Medir a qualidade da sua Internet
Descubra de quanto você precisa!
Veja os provedores na sua área!
Descubra a quantidade de banda adequada às suas necessidades Essa ferramenta foi pensada para ajudar o usuário a dimensionar a quantidade de banda adequada às suas necessidades, conforme as atividades desenvolvidas e os dispositivos conectados à rede. Nessa aplicação, o usuário consegue medir a qualidade da Internet, responder ao questionário para descobrir o quanto de Internet precisa e visualizar a recomendação de provedores, apresentados a nível de setor censitário, com o objetivo de informar o consumidor acerca das possibilidades de conexão com Internet disponíveis na própria região.
People
Qual o plano adequado aos meus usos?
Mapa
Quais os provedores em minha região?
Descubra o quanto de Internet você precisa Preencha as perguntas abaixo para que consigamos avaliar qual seria a Internet recomendada de acordo com seus casos de uso. Na aba metodologia explicitamos o cálculo e os fatores avaliados. Lembrando que não coletamos qualquer dado pessoal para esse cálculo.
People
Selecione o número de pessoas que utilizam a Internet
Devices Selecione o número de cada dispositivo utilizado no local
Uses Para quais das seguintes opções sua família usa a Internet?
Reasons Por quais motivos você procura trocar o provedor de acesso à Internet?

Enviando...

Erro:
Result
A Internet que você precisa
Teste sua Internet com apenas um clique e contribua com a melhoria da qualidade da Internet no Brasil. O SIMET é um sistema desenvolvido e mantido pelo NIC.br, e disponibilizado ao público, para a medição de dados relacionados à conexão com a Internet. Ele é capaz de realizar análises avançadas sobre vários aspectos da rede, oferecendo informações precisas. As medições realizadas nas plataformas do SIMET ajudam a entender melhor a capacidade da rede e dão uma boa idéia de como é a experiência on-line. A velocidade não é a única medida necessária para uma navegação satisfatória, algumas atividades exigem um tempo de resposta mais rápido, como jogos on-line, ou maior estabilidade, como assistir a vídeos on-line.


Acima é possível observar algumas métricas recomendadas para cada atividade. Conheça nossas iniciativas de Medições. O site de medições é uma iniciativa NIC.br que busca reunir as ações desenvolvidas pela área de medições e construir um canal de comunicação com parceiros para apoiar projetos e políticas de conectividade e, com isso, melhorar o acesso e a qualidade da Internet. Conheça e apoie nossas iniciativas para medir, analisar e melhorar a qualidade da Internet no Brasil (clique aqui)
Veja os provedores em sua região Para ajudá-lo na escolha, por meio dos medidores da família SIMET, tentamos mostrar as opções disponíveis na região, bem como sua qualidade que são percebidas pelo conjunto de nossos medidores. Lembrando que esse recurso faz uso da geolocalização, lembre-se de verificar se você permitiu esse recurso no browser.
Sua localização está correta?
Loading...
E agora?
Quer fornecer seu cep?
Informações sobre a qualidade da Internet oferecida na sua região
Loading...
As faixas das métricas de qualidade da Internet foram baseadas no documento Broadband statistics da Organização para a Cooperação e Desenvolvimento Econômico (OCDE).

O Sistema de Medições Os dados apresentados são coletados pelas medições de qualidade do Sistema de Medição de Tráfego de Internet (SIMET) do NIC.br. A medição, concretizada por agentes de software disponíveis em diversas plataformas (saiba mais), permite coletar métricas de qualidade da Internet, como latência, jitter, perda de pacotes e velocidade de download e upload para protocolos TCP e UDP. Além das métricas de qualidade, conseguimos captar outros dados de contexto como a versão do IP, número do sistema autônomo (AS, o provedor) e, quando permitido, a geolocalização da medição.

O SIMET realiza os testes da rede do ponto de acesso até um servidor de medição, esse podendo estar dentro ou fora da rede do provedor de Internet. Na maioria dos casos, é realizado fora da rede do provedor, nos servidores localizados nos Pontos de Troca de Tráfego de Internet do IX.br (Brazil Internet Exchange). Assim que um teste é realizado, os dados são anonimizados, processados e validados nos servidores do NIC.br, respeitando todos os preceitos de sigilo de acesso aos dados de acordo com a Lei Geral de Proteção de Dados (LGPD).
Entenda as métricas
Parâmetros Analisados
Download
Velocidade de Download
Rapidez com que um arquivo pode ser baixado de um serviço da Internet
Upload Velocidade de Upload Rapidez com que um arquivo pode ser enviado de um serviço da Internet
Latencia Latência Informa o tempo transcorrido para uma informação percorrer o caminho de ida e volta, de origem para destino, medida em milissegundos (ms); varia de acordo com a qualidade do caminho.
Jitter Jitter Medida de variação da latência, que avalia a diferença entre o tempo esperado e o tempo transcorrido.
Perda Perda de Pacotes As informações na Internet são enviadas em pequenos bits de informações, chamados de pacotes. A medida representa um percentual de pacotes perdidos em relação aos pacotes transmitidos.

Calculadora de banda Determinar quanto de Internet realmente precisa é uma questão de como se dá o uso da Internet diariamente no local. Por exemplo, um domicílio com mais de 5 pessoas que frequentemente assistem a filmes e programas por streaming, jogam online e baixam arquivos pesados vai precisar de um valor mais alto de banda para acomodá-los. Enquanto isso, em um domicílio que moram uma ou duas pessoas que utilizam a internet apenas para verificar e-mails e ocasionalmente assistem a um programa online, precisará de muito menos banda. Foi para ajudar o usuário com esse dilema que a calculadora de banda requerida foi desenvolvida.

Os requisitos da calculadora de banda dependem de duas questões principais:
Quantas pessoas e dispositivos ficam conectados à Internet?
People
+
Para quais atividades a Internet é utilizada no local?
Mapa
Para o cálculo de banda personalizada são levadas em conta 3 dimensões da qualidade da Internet: velocidade de download, latência e perda de pacotes. Para os valores de latência e perda de pacotes, as respostas de usos do questionário são divididas nas categorias áudio, uso geral, download, jogos e vídeo (tabela a) que representam, em ordem crescente, a qualidade de Internet necessária, ou seja, vídeo necessita de maior qualidade enquanto áudio, a menor, e seleciona-se o cenário de melhor da qualidade necessária. Já para a velocidade de download, as respostas do usuário no questionário são aplicadas a fórmula abaixo, e o resultado lhe dará uma ideia da velocidade mínima adequada a sua realidade.
N * max(α) + [(1 + H * 0.2 ) * ∑(nD * λ) ] + call + svk
Em que:
N = número de usuários
α = categoria de uso (tabela a)
H = Usuários Intensivos > 8h/dia
nD = Número de dispositivos
λ = peso de download para o dispositivo (tabela b)
call = uso de videochamadas (+15Mbps ao final)
svk = uso de streaming de videos 4k (+20Mbps ao final)

Método de Avaliação Com o objetivo de apresentar as possibilidades de conexão que satisfaçam as necessidades dos moradores do domicílio, foi elaborada uma metodologia para avaliação comparativa entre a qualidade oferecida pelos provedores disponíveis na região e a requerida pelo usuário. A qualidade oferecida pelos provedores é baseada nas medições efetuadas e geolocalizadas pelo sistema SIMET dentro do mesmo setor censitário em que o usuário se encontra. Após as respostas do questionário serem processadas pela calculadora, utiliza-se os resultados base para avaliar a qualidade dos provedores. São considerados provedores capazes de atender ao domicílio do usuário aqueles que:
  1. Obtiverem, para cada métrica, pelo menos 25% dos valores medidos melhores do que o requerido para o usuário (i.e. dos valores retornados pela calculadora).
  2. Marcarem pelo menos 4 pontos no sistema de pontuação abaixo.
Sistema de Pontuação
Considerando os quartis da distribuição das medições do provedor (i.e. valores da métrica com 25%, 50%, 75% e 100% das medições), conforme o provedor alcança um novo quartil para cada métrica, ele ganha um ponto. Ou seja, conforme uma porcentagem maior das medições de cada métrica atende o valor requerido pelo usuário, maior é a pontuação do provedor. Como avaliamos 3 métricas (vel. download, latência e perda de pacotes) e, para cada métrica temos, temos 3 quartis que podem ser alcançados ( 50%, 75% e 100%), a pontuação máxima que o provedor pode obter é 9 pontos, quando todas as medições para todas as métricas são melhores do que o requerido pelo usuário.